Revista Brasileira de Ciências do Esporte Revista Brasileira de Ciências do Esporte
Revista Brasileira de Ciências do Esporte 2017;39:330-7 - Vol. 39 Núm.4 DOI: 10.1016/j.rbce.2017.07.002
Artigo original
“Educação do corpo” e campo científico: da fluidez do conhecimento às lutas simbólicas
“Body education” and scientific field: of the fluidity of the knowledge to the symbolic contests
“Educación del cuerpo” y campo científico: de la fluidez del conocimiento a las luchas simbólicas
Guilherme Gonçalves Baptistaa,, , Pedro Henrique Zubcich Caiado de Castroa, Sílvia Maria Agatti Lüdorfb
a Universidade Federal do Rio de Janeiro, Faculdade de Educação, Núcleo de Estudos Sociocorporais e Pedagógicos em Educação Física e Esportes (Nespefe), Rio de Janeiro, RJ, Brasil
b Universidade Federal do Rio de Janeiro, Núcleo de Estudos Sociocorporais e Pedagógicos em Educação Física e Esportes (Nespefe), Departamento de Ginástica, Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Recebido 03 Junho 2016, Aceitaram 24 Julho 2017
Resumo

O artigo objetivou identificar os autores que usam o termo “educação do corpo” no campo científico brasileiro e as áreas de conhecimento em que estão inseridos para compreender as “regras do jogo” e as lutas concorrenciais em torno da temática. Mediante pesquisa documental, foram analisados 46 artigos científicos. Detectou‐se que três dos quatros pesquisadores mais representativos no número de trabalhos são bolsistas de produção em pesquisa pela CNPq; as principais áreas de investigação foram educação e educação física; e a maioria dos autores tem formação em educação física, indica que os debates sobre a temática provêm, sobretudo, dessa área e, também, a possibilidade de migração dos sujeitos com permanência da “autoridade científica” para outras áreas.

Abstract

The paper aimed to identify the authors who use the term “body education” in the Brazilian scientific field and the areas of knowledge where they are inserted to understand the “rules of the game” and the competitive contests around the thematic. Through a documental research, 46 papers were analysed. It was noted that three of four researchers most representative in the number of papers receive “Production in Research” furtherance by CNPq; the main areas of investigation were Education and Physical Education; and the majority of the authors possesses graduation in Physical Education, indicating that the debates on the thematic mainly come from this area and the possibility of migration of the authors with permanence of “scientific authority” for other areas also.

Resumen

El artículo trató de identificar a los partidarios del término «educación del cuerpo» en el campo científico brasileño y las áreas del conocimiento donde se insertan para entender las «reglas del juego» y las reñidas competencias en torno al tema. Mediante investigación documental, se analizaron 46 artículos científicos. Se encontró que tres de cada cuatro autores entre los más representativos en el número de trabajos son becarios de Producción en Investigación por la CNPq; las áreas principales fueron Educación y Educación física, y la mayoría de autores posee titulación en educación física, lo que indica que las discusiones sobre el tema proceden especialmente de esta área y, también, la posibilidad de migración de individuos con la persistencia de la «autoridad científica» para otras áreas.

Palavras‐chave
Educação física, Corpo humano, Ciências humanas, Fronteiras do conhecimento
Keywords
Physical education, Human body, Humanities, Borders of the knowledge
Palabras clave
Educación física, Cuerpo humano, Humanidades, Fronteras del conocimiento
Revista Brasileira de Ciências do Esporte 2017;39:330-7 - Vol. 39 Núm.4 DOI: 10.1016/j.rbce.2017.07.002